Formulário de Busca

Coligação de Roseana lança 500 candidatos

seg, 05/07/10
por Décio Sá |
categoria Eleições

A exemplo dos outros candidatos, a governadora Roseana Sarney (PMDB) esteve no final da tarde desta segunda-feira no TRE para registrar sua chapa. Ela disse estar pronta para mais uma batalha eleitoral. “Vamos rumo à vitória. Estamos trabalhando para ganhar a eleição”, disse.

A coligação “O Maranhão Não Pode Parar” reúne 17 partidos (PT/PMDB/DEM/PRTB/PRP/PRB/PTB/PV/PP/PR/PSC/PSDC/PSL/PHS/PTN/PMN/PTdoB). São erca de 400 candidatos a deputado estadual e 84 a federal, sem contar os majoritários. O candidato vice é o petista Washington Luiz .

Roseana, Washington, João Alberto e Lobão com recibo do registro

Roseana, Washington, João Alberto e Lobão com recibo do registro

A primeira atividade de rua de Roseana deve ser a inauguração do comitê em Imperatriz na próxima semana. Ela previu gastos de R$ 40 milhões na campanha. O coordenador-geral será o prefeito de São José de Ribamar, Luiz Fernando Silva (DEM). Ele disse nesse início está apenas “ajudando” e descartou a possibilidade de pedir licença do cargo por enquanto.

Depois de muitas idas e vindas ficaram definidos os suplentes dos candidatos ao Senado João Alberto e Edison Lobão (PMDB) – Clóvis Fecury (DEM) e Ildon Marques do primeiro e Edinho Lobão (PMDB) e Pastor Bel (PP) do segundo. “Estamos marcados pela experiência e na luta. A luta não nos assusta. Vamos prosseguir com ela e com a graça de Deus chegaremos à vitória”, disse Lobão.

João Alberto desmentiu boatos espalhados por blogs ligados a seus concorrentes de que estaria inelegível por ter participado de uma reunião do Conselho de Gestão Estratégica das Políticas Públicas de Governo. Ele disse que participou do evento como vice-governador e não há nada de errado no caso.

Segundo o atual vice-governador, esse fato já demonstra o medo dos adversários com sua popularidade. “A preocupação dos adversários é muito grande comigo. Não fiz nada errado. Está tudo certinho. Nós vamos para a eleição e o povo vai decidir. Acredito na vitória porque o povo gosta de quem trabalha. A Roseana é uma trabalhadora e eu a ajudo a fazer um bom governo. O povo do Maranhão está mostrando que quer as coisas para o nosso Estado. Dentro desse diapasão é que quero ser eleito com ela e com o Lobão”, declarou.

Suplentes de Lobão e João Alberto indefinidos

seg, 05/07/10
por Décio Sá |
categoria Eleições

clóvis fecury 050710Reviravoltas de última hora deixaram indefinidos os suplentes nas chapas dos senadores Edison Lobão e João Alberto (PMDB). Durante o final de semana, o deputado federal Clóvis Fecury (DEM) voltou a estudar a possibilidade de ser candidato à reeleição. Ele seria o primeiro suplente de João Alberto. O segundo é o ex-prefeito Ildon Marques (Imperatriz). Caso Clóvis (foto) resolva mesmo tentar sua volta à Câmara, ele deverá ser substituído pelo senador Mauro Fecury (PMDB). Entre os peemedebistas a torcida é grande para que essa articulação dê certo.

Na chapa de Lobão quem cria confusão é o candidato a segundo suplente, Heber Waldo Silva Costa, o Pastor Bel (PP). Ele quer ser candidato ao Senado de qualquer maneira, apesar do TSE ter proibido candidaturas “solteiras”. Já há um movimento para emplacar o deputado Joaquim Haickel (PMDB) em seu lugar. Joaquim seria o primeiro suplente de João Alberto, mas abriu mão da indicação para resolver o problema do DEM, que ameaçava abandonar a coligação em torno da governadora Roseana Sarney (PMDB).

Duante os últimos dias Pastor Bel confirmou e desconfirmou umas duzentas vezes junto ao próprio Lobão sua participação na chapa. Ontem ele me ligou dizendo que seria candidato ao Senado “contra tudo e contra todos”, mas estava fechado no apoio a Roseana. No final da tarde deste domingo sua assessoria divulgou matéria dizendo que se não pudesse ser candidato ele iria para “oposição”. Ou seja, aprendeu cedo o caminho dos pecadores.

Entre os aliados da governadora a candidatura ao Senado do progressista é até bem vista. É aquela história: quanto mais cabras mais cabritos. O problema é a proibição imposta pelo TSE. Pastor Bel pode até inscrever sua candidatura, mas certamente ela será indeferida. No momento em que o PP resolveu integrar a aliança “O Maranhão não Pode Parar” não existe mais PP. O que existe é a coligação.

ata PPChateado, Lobão chegou a sondar um bispo da Igreja Universal para ocupar sua segunda suplência. Pastor Bel alega que sua candidatura foi homologada em convenção. O problema é que houve uma condicional: estaria sujeita a aprovação dos outros partidos da aliança, conforme mostra a reprodução da ata da convenção acima. Na verdade, o progressista faz esse movimento todo em busca de mídia. O que ele quer mesmo é projetar seu nome visando a Prefeitura de Poção de Pedras em 2012, onde congrega.

Está começando mal sua pretensa carreira política.

Ildon Marques diz que não será candidato a federal

qua, 30/06/10
por Décio Sá |
categoria Eleições

O ex-prefeito de Imperatriz Ildon Marques (DEM) afirmou agora há pouco ao blog que não será candidato a deputado federal. Ele confirmou que será mesmo o segundo suplente na chapa do senador Edison Lobão. O primeiro é o ex-senador Edinho Lobão (ambos do PMDB).

Em post abaixo, por conta de informação recebida da assessoria do deputado e presidente do DEM, Clóvis Fecury, após a convenção, cheguei a anunciar a candidatura do ex-prefeito a federal. A informação já foi corrigida.

Ildon Marques conta que na verdade houve uma intensa negociação da direção dos democrtas para que ele fosse candidato. “Ouvi os apelos, mas não me motivei. Isso só funciona com a pessoa motivada”, disse.

O ex-prefeito afirmou que sua decisão em não ser candidato será boa porque deixará espaço para outras lideranças do grupo entrarem na disputa em Imperatriz e região.

“A tônica dessa campanha não é mudar, é continuar o que está dando certo”, diz Duda Mendonça

sáb, 19/06/10
por Décio Sá |
categoria Eleições

O publicitário Duda Mendonça afirmou ontem ao blog, com exclusividade, estar “feliz” em poder fazer a campanha à reeleição da governadora Roseana Sarney (PMDB). Ele e sua equipe estiveram com Roseana no Arraial da Lagoa da Jansen conhecendo o São João do Maranhão. Saboreou a culinária local, acompanhou várias apresentações de grupos de bumba-meu-boi e até se “empolgou” com a beleza das índias do Boi de Axixá.

Duda e Roseana curtiram o São João no Arraial da Lagoa

Duda Mendonça e Roseana curtiram o São João no Arraial da Lagoa

Considerado um dos principais marqueteiros políticos do país, Duda Mendonça disse que a tônica dessa campanha em todo país, por conta principalmente do sucesso do governo Lula, “não é mudar, é continuar o que está dando certo”. “Ninguém pode negar nesse país que o presidente Lula revolucionou a forma de administrar. O povo pobre, sobretudo, está melhorando de vida, está vestindo, comendo melhor, vendo horizontes diferentes. Portanto, a tônica dessa campanha não é mudar, é continuar o que está dando certo”.

Durante as quase três horas que passou no arraial, ele pôde sentir de perto a popularidade de Roseana. Ela teve de atender dezenas de fãs, tirar fotos e conversar com eles. “Estou muito feliz com a candidata, com a estrutura, de estar aqui no Maranhão de novo vendo o boi. Acho que o povo está contente com o que a Roseana está fazendo, com o jeito dela tratar, com o trabalho que ela está fazendo”, assegurou.

Segundo ele, “campanha não é mágica, é captar a energia que as pessoas estão passando”. “Campanha é isso. As pessoas querem que ela continue, estão expressando isso e acho que ela vai continuar”. Duda disse que apresentará Roseana “exatamente do jeito que ela é”. “Eu não acredito em metamorfose, em mudança. Vou mostrar o trabalho dela. Não vai ter truque, não vai ter nada. É ela mostrando o trabalho dela, falando das ideias dela”, completou.

O publicitário brincou, ao ser informado por mim, sobre boatos recorrentes espalhados pela mídia “balaia” dando conta que não faria mais a campanha da governadora. “Vou sair depois de ganhar”, declarou.

Ele já preparou jingle de Roseana e do senador Edison Lobão (PMDB) que serão apresentados ao público na convenção do dia 24. A governadora estava feliz por conta de pesquisas de avaliação de governo onde sua administração aparece como a mais bem avaliada entre os moradores da capital.

Primeiras notícias

qua, 09/06/10
por Décio Sá |
categoria Eleições

Deu na Veja: Pública em Alagoas
A campanha eleitoral agora começou de fato para Fernando Collor (PTB). Semana passada o senador contratou a equipe da Pública Comunicação, de Elcinho Mouco e Antônio Melo, para cuidar de sua campanha ao governo de Alagoas. Agora, a meta do ex-presidente é tirar de vez Ronaldo Lessa da disputa. Mas o senador tem pouco a oferecer. Como Renan Calheiros já é candidato a uma vaga para o Senado, Lessa teria de se contentar em buscar ser o deputado mais bem votado para a Câmara.
(Da coluna Radar on-line).

Jackson, o cara de pau
“Nunca votei na família Sarney”, do governador cassado Jackson Lago (PDT) em entrevista ao blog do jornalista Roberto Kenard. Será que o “velhinho” já está sofrendo de amnésia? Ele esqueceu do brinde de champanhe feito com a governadora Roseana e o marido Jorge Murad depois da eleição municipal de 2000? E olha que ele mesmo foi à casa de Roseana agradecer o apoio. No assunto: Jackson esteve domingo no AçaiFolia, em Açailândia, dia justamente da apresentação do grupo Parongolé, do “Rebolation”.

Minardi e Pinto Itamaraty 080610Ele voltou
Depois de um ano de separação, o multimídia Marcelo Minardi acertou nesta terça-feira seu retorno à campanha do deputado Pinto Itamaraty (PSDB). Será o marqueteiro do tucano. Os dois tiraram até fotos juntos. Minardi, para quem não sabe, é também um dos alunos da “Escolinha do professor Roberto Veloso”, no curso de pós-graduação em direito eleitoral, que ele comanda no TRE.

Protesto no TRE
Militantes arregimentados pelo prefeito cassado de Barreirinhas, Miltinho Dias (PT), protestaram nesta terça-feira no TRE por causa de mais um adiamento do julgamento do caso. O juiz Sérgio Muniz, com grave de problema de pressão, não compareceu após apresentar atestado médico. O processo está 3 a 2 pela volta do petista à prefeitura. Os processos de Caxias e Presidente Dutra também foram adiados.

Salvo pelo gongo
Depois de uma bela sustentação oral feita da Tribuna do TRE pelo advogado Carlos Lula, o deputado Flávio Dino (PCdoB) foi absolvido de ação ajuizada pelo Ministério Público onde era acusado de propaganda eleitoral antecipada. Já o senador Edison Lobão (PMDB), sem ninguém para lhe defender, foi multado em R$ 5 mil pelo tribunal em ação idêntica.

Edilázio Júnior quer surpreender
Depois de receber o apoio da prefeita Socorro Waquim (PMDB) e seu grupo em Timon, o advogado Edilázio Júnior (PV) anda pra lá de confiante em conseguir uma vaga na Assembleia. Segundo o vereador Neto da Educação, a expectativa é que Edilázio tenha de 13 mil a 15 mil votos somente na cidade.

Esculhambação no aeroporto
Passageiros que chegaram a São Luís domingo à tarde reclamaram do péssimo atendimento do Aeroporto Internacional Cunha Machado. Como dois voos chegaram ao mesmo tempo, formou-se uma grande fila para contratar um táxi. Teve passageiro esperando mais de meia hora por um veículo. E nem adiantava reclamar. O posto da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) estava fechado. Coisas da capital do Maranhão!

Manoel Bequimão
O ex-secretário João Abreu (Casa Civil) recebe nesta quarta-feira a Medalha do Manoel Bequimão, maior honraria concedida pela Assembleia Legislativa. A proposta, aprovada por unanimidade, foi do deputado Alberto Franco (PMDB).

Depois do PT, o PRB também adere a Roseana

seg, 17/05/10
por Décio Sá |
categoria Política local

Marcos Caldas, Cleber, Lobão, Roseana e Edinho: apoio do PRB

Marcos Caldas, Cleber, Lobão, Roseana e Edinho: apoio do PRB

Mais um partido oficializou hoje o apoio à governadora Roseana Sarney (PMDB). Em encontro estadual, o PRB, do vice-presidente da República, José Alencar, sacramentou a união em torno da candidatura à reeleição de Roseana. Ontem, ela fechou com o PT do Maranhão.

Acompanhado do senador Edison Lobão, do suplente Edinho Lobão (PMDB), do secretário Hildo Rocha (Articulação Política), dos deputados Cleber Verde e Marcos Caldas (PRB), da prefeita Irene Soares (Presidente Dutra) e centenas de militantes, a governadora destacou a importância do PRB para a sua campanha. Lembrou que a legenda ocupa uma pasta importante no governo – a Secretaria de Administração – por ter quadros internos qualificados.

“O PRB é um partido em franca ascensão. O Maranhão só tem a ganhar com essa coligação”, destacou Lobão. Já Edinho brincou dizendo não estar havendo “só uma onda em favor do nosso grupo (político), mas um verdadeiro maremoto”.

Já Cleber Verde, presidente estadual do partido, aproveitou o encontro para desabafar. Disse que estava há dez anos na oposição ao grupo Sarney, mas somente agora a legenda estava sendo prestigiada. Segundo ele, nos governos Jackson Lago (PDT) e José Reinaldo Tavares (PSB) o PRB só viveu de promessas.

Foto: De Jesus/O Estado Maranhão.

Depois de Pinto, MPE quer suspender Dino e Lobão

ter, 11/05/10
por Décio Sá |
categoria Eleições

A Procuradoria Regional Eleitoral encaminhou ao TRE representação contra três pré-candidatos às eleicões de 2010. Segundo a procuradora regional eleitoral Carolina da Hora Mesquita Hohn, o senador Edison Lobão (PMDB) e os deputados federais Pinto Itamaraty (PSDB) e Flávio Dino (PCdoB) estão desobecendo a Lei nº 9.096/95, que regulamenta a propaganda partidária gratuita veiculada no rádio e na televisão.

flavio dinoNa representação contra Flávio Dino (foto) não houve pedido de liminar, posto que a propaganda do partido não está programada para ir ao ar novamente.  Já no caso do senador Edison Lobão e do deputado federal Pinto Itamaraty, a PRE pediu a suspensão das inserções em caráter liminar. A Justiça Eleitoral já suspendeu a propaganda de Pinto Itamaraty (veja post abaixo). A Procuradoria ainda quer que seja aplicada multa para os três candidatos.

De acordo com a procuradora, os horários reservados na televisão aos três  partidos para a propaganda partidária gratuita estão sendo utilizados para promover seus respectivos pré-candidatos às eleições deste ano. Em desacordo com a Lei nº 9.096/95, que estabelece aos programas partidários que contenham apenas mensagens de cunho institucional, a propaganda partidária veiculada contém alto teor de propaganda eleitoral antecipada.

Na propaganda partidária do PCdoB, é evidente a publicidade criada em torno do deputado federal Flávio Dino. Nos dois vídeos do partido veiculados na televisão, cada um com 30 segundos de duração, ele aparece como único interlocutor, com discurso que incita a renovação política, além de dar destaque à sua própria experiência profissional de 12 anos na magistratura.

Para Carolina Mesquita, “nota-se que, em vez de utilizar o espaço gratuito que lhe foi conferido para atender à destinação legal de difundir os programas partidários, preferiu a agremiação qualificar a pessoa de Flávio Dino”, argumentou a procuradora.

Já a propaganda partidária gratuita do PMDB está veiculando o vídeo “Inserção PMDB”, com duração de um minuto, no qual um narrador apresenta, na primeira parte do programa, as virtudes do senador Edison Lobão. Entre as atribuições dadas ao senador, a narração diz: “Edison Lobão, um homem justo, um homem que nasceu para servir o Brasil e o Maranhão.” Em seguida, nos 15 segundos finais do vídeo, o destaque é para o presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva, que tece elogios ao senador.

(As informações são da Procuradoria Regional Eleitoral).

Senador Edison Lobão esclarece

sex, 23/04/10
por Décio Sá |
categoria Política local

A respeito das “notas rápidas” abaixo recebo os seguintes esclarecimentos do senador Edison Lobão (PMDB):

“Prezado Décio Sá,

Lobao  220410Permita-me  tecer alguns comentários sobre nota intitulada “Lobão na berlinda” , publicada em seu blog de hoje. Ali se diz que deputados (não identificados) estao contrariados por estar eu fazendo parcerias com prefeitos “balaios” .

Respondo ao amigo :

1 – Tenho 32 anos de mandatos obtidos nas urnas, abominando a intolerância política;
2 – Todos no Maranhão me conhecem como um conciliador, alguém dotado de paciência e humildade para ouvir  mais do que para ditar regras;
3 – Faço parte de uma poderosa aliança partidária e política a que também pertenceram muitos do que hoje estão na oposição e outros que já retornam a esta mesma aliança;
4 – Não tenho dificuldades em conversar com todos os políticos do Maranhão;
5 – Em matéria de lealdade minha vida política fala por si. Creio que nada mais eh preciso dizer ou provar.
Agradeço antecipadamente o possivel espaço para meus esclarecimentos.

Atenciosamente,
Edison Lobão.”

Comentário meu: O blog acata os esclarecimentos do senador e ex-ministro, o amigo Edison Lobão, mas reafirma as informações publicadas. Os nomes dos deputados não foram revelados a pedido das próprias fontes. Trouxe a público a informação mas no sentido de alertar o senador do que qualquer tentativa de criticá-lo. Todo mundo lembra que por conta de fatos semelhantes, em 2006, o senador Epitácio Cafeteira (PTB) teve de retirar a candidatura da filha Janaína Cafeteira a deputada estadual. As queixas existem e são bem reais.

Lula: ‘Foi um orgulho ter Lobão como ministro’

sex, 02/04/10
por Décio Sá |

O ministro Edison Lobão (Minas e Energia) deixou o governo com a bola toda. Durante solenidade de despedida dos ministros, quarta-feira, o presidente Lula fez questão de elogiar o ex-auxiliar. Disse que quando o PMDB levou seu nome, ele mesmo disse: “Pô, o Lobão era do PFL e eu vor ter de tê-lo aqui?!”. Mas, você Lobão, foi uma grata surpresa e agora quero dizer de público: foi um orgulho para mim tê-lo como ministro de Minas e Energia. Pelo auto grau de companheirismo, sem abrir mão de suas convicções.”

O presidente destacou também o fato de não se repetir no país um apagão, a exemplo do ocorrido em 2001 no governo tucano de FHC. Em seguida, brincou com o senador. “O Lobão é um homem de fino trato, que gosta de bons vinhos, apesar de nunca ter pago um almoço ou um jantar. Tá devendo”, revelou, para risada geral dos ministros (veja vídeo abaixo).

O certo é que, segundo o Correio Braziliense, Lobão está cotado para voltar ao ministério caso Dilma Roussef vença a eleição. “O ex-ministro de Minas e Energia já recebeu tantos elogios da ministra que foi lido por alguns peemedebistas como possível convite para se manter na equipe caso Dilma chegue ao Planalto”, diz o jornal (veja). Também pode virar um dos coordenadores da campanha da pré-candidata do PT à presidência. É o fraco!

“Nunca deixei de ser candidata”, afirma Nice Lobão

ter, 30/03/10
por Décio Sá |
categoria Política local

A deputada Nice Lobão (DEM), mulher do ministro Edison Lobão (Minas e Energia), acaba de confirmar ao blog: é candidatíssima à reeleição.

Nice Lobão 300310“Eu nunca deixei de ser candidata. Estou indo para o meu quarto mandato. Serei candidata se Deus quiser”, declarou a ex primeira-dama do Maranhão.

“Passei muito tempo afastada porque operei a coluna. Mas agora estou firme e forte”, completou ela, que passou o final de semana em São Luís e agora está em Brasília.

Sem citar nomes, Nice (foto) mandou um recado para pretensos políticos que estariam avançando sobre suas bases: “Se existiu gente que tentou me tirar (do páreo), eu não sei”.

Os pretensos políticos em questão seriam o secretário Luciano Moreira (Administração) e a também ex primeira-dama do estado Alexandra Tavares (PSB). Eles estariam contatando aliados políticos da democrata com o argumento de que ela não seria mais candidata.

A deputada vem procurando nas últimas semanas os amigos que construiu ao longo da carreira política. No final de semana recebeu o título de cidadã do município da Raposa onde mantém forte parceria com o prefeito Onacy Paraíba (PP). Também conversou com o prefeito de Bacabeira, José Venâncio Gomes, o Venancinho (DEM).



Formulário de Busca


2000-2014 globo.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade