Formulário de Busca

Manoel Ribeiro registra chapa na Assembleia

ter, 01/02/11
por Décio Sá |
categoria Sem Categoria

O deputado Manoel Ribeiro (PTB) acaba de registrar sua chapa para a disputa da presidência da Assembleia. Segundo o deputado Stênio Rezende (PMDB), o ex-presidente da Casa pode recuar. A medida foi tomada porque havia prazo para o registro das chapas.

Até dez minutos antes da eleição, o nome do petebista pode ser substituído por outro. Estão no páreo Max Barros e Antonio Pereira (DEM) e em último caso Ricardo Murad (PMDB).

Bastidores de uma eleição inusitada

ter, 01/02/11
por Décio Sá |
categoria Política local

“Quanto mais conheço os homens, mais admiro os cães”, dizia Rui Barbosa, segundo lembrança feita por um leitor de Governador Archer. A frase se encaixa com uma luva à situação ridícula em que se transformou a eleição na Assembleia Legislativa do Maranhão. 

Braide disse ter perdido o controle do filho

Desde sábado um grupo de deputados se confinou como se fosse gado numa fazenda de Carlos Braide (PMDB) nos arredores de Santa Rita. Eles passaram o tempo jogando sinuca e baralho. Até um cabeleireiro foi chamado ao local. Vão chegar ao prédio da Assembleia nesta terça-feira num micro-onibus, de mão dadas, como se fossem para o abate, e se posicionar num lado do plenário. Coisa de eleição de Câmara no interior. Na verdade, há alguns anos atrás Isaías Pereirinha (PSL) fez o mesmo em São Luís. 

PhD em traição, Braide pai teve a coragem de ligar para vários colegas ontem e dizer não ter controle sobre o filho. Eduardo Braide (PMN) é um dos comandantes da trairagem contra a governadora Roseana Sarney (PMDB). 

O agora ex-deputado teria chamado o próprio rebento de “mau caráter”, segundo seus próprios interlocutores contaram ao blog. Ninguém acreditou.
 
Já Rogério Cafeteira, o Rogério Porcão (PMN), está com o filho Vinícus, de menos de um ano, doente. O garoto estaria internado num hospital da cidade. Mesmo assim preferiu permanecer no confinamento. Não seria um pai desnaturado? Vale tudo pelo poder? 

Relatei ontem aqui que muitas amizades e até laços de familiares estão se rompendo. O pai de Léo Cunha (PSC), por exemplo, classificou de “molecagem” o que o filho estava fazendo. Um irmão dele disse que vai à Assembleia e quer ver de perto se o deputado tem coragem de votar contra o candidato de Roseana, apesar de tudo feito por ele. 

Já Ricardo Murad (PMDB) está traquilo. Ontem recebeu uma ligação do marqueteiro Duda Mendonça dizendo que essa sua saída da disputa foi a melhor coisa que lhe aconteceu. 

Segundo ele, Ricardo vai ter muito mais dividendos políticos ao concluir o projeto de construção dos 72 hospitais iniciadas ano passado no Maranhão. 

Em relação à eleição, com apoio do “bloquinho”, Arnaldo Melo (PTB) é o nome mais forte. Mas tudo pode acontecer até as 11h30, horário da votação.

Ricardo retira candidatura à presidência da Assembleia e volta à Secretaria de Saúde

seg, 31/01/11
por Décio Sá |
categoria Política local

O deputado Ricardo Murad acaba de anunciar a retirada de sua candidatura à presidência da Assembleia. Disse que como surgiu um movimento contra seu nome, preferiu sair da disputa para evitar problemas para o governo Roseana. 

Ricardo e Carlos Filho durante entrevista

O deputado Carlos Filho (PV) também retirou seu nome da disputa pela 1ª Secretaria. Agora, segundo Ricardo, todos devem sentar à mesa para discutir um nome de consenso. 

Ele citou os nomes de Arnaldo Melo (PTB) e Hélio Soares (PP), alinhados ao “bloquinho”, e Max Barros (DEM) e Manoel Ribeiro (PTB) como os mais comentados e que desejam ser esse candidato de consenso à presidência da Assembleia. 

Hoje a bancada do PDT firmou posição no apoio ao candidato a ser indicado pelo Palácios dos Leões. Os deputados Graça Paz, Valéria Macedo, Carlinhos Amorim e Camilo Figueiredo também declaram o alinhamento da legenda ao governo Roseana Sarney (PMDB). 

A governadora afirmou que Ricardo volta imediatamente para o comando da Secretaria de Saúde.

Por que tanto medo de Ricardo Murad?

dom, 06/06/10
por Décio Sá |
categoria Política local

A turma da oposição não larga o pé do deputado Ricardo Murad (PMDB). Sabe que ele sabe como se ganha uma eleição. Por isso vem sendo perseguido diariamente em jornais e blogs “balaios”. Na verdade, estão com medo do trabalho político que ele vem fazendo.

ricardo murad 160510

Ricardo: incomodando a oposição

Mês passado, anunciaram seu enterro por conta da disputa em torno da Secretaria de Saúde. Ricardo saiu mais forte do episódio. Tentaram e tentam a todo momento intrigá-lo com a cunhada, a governadora Roseana Sarney (PMDB). Quebraram e vão continuar quebrando a cara.

Agora dizem que a casa de Ricardo anda cheia de políticos e que ele determinou o cancelamento de convênios com várias prefeituras. Na verdade, ele só fez o comunicado. A ordem da governadora é mesmo suspender qualquer convênio de caráter eleitoreiro. “A governadora Roseana – como sempre – vai respeitar a legislação eleitoral e não vai repetir os crimes praticados pelo governador José Reinaldo para eleger Jackson Lago”, diz o deputado.

Em relação ao fato de sua casa estar sempre lotada de políticos, é categórico:

“Os encontros de políticos na minha casa são rotina e sempre me deu muito prazer. Por solicitação da governadora, tenho mantido contatos com a classe política para informar a conduta que o governo terá, que é de absoluto respeito à lei eleitoral. Um dos temas abordados é justamente o de afirmar que o governo não fará convênios eleitoreiros. Minha casa sempre está cheia de amigos e políticos, afinal sou deputado e uma das atividades principais do deputado é  conversar e receber pessoas”, explica.

Ricardo Murad vai pedir licença da Assembleia

ter, 25/05/10
por Décio Sá |
categoria Eleições

 O deputado Ricardo Murad deve pedir licença sem vencimentos da Assembleia Legislativa nesta quinta-feira para se dedicar totalmente à campanha da governadora Roseana Sarney (ambos do PMDB). A licença tem caráter de particular. A informação foi dada ao blog por um deputado próximo ao ex-secretário de Saúde.

ricardo murad 160510A fonte conta que após apelos de aliados políticos e familiares, em acordo com Roseana, Ricardo não vai mais voltar para a pasta, conforme eu havia anunciado (reveja). O novo titular da Secretaria de Saúde, segundo esse parlamentar, será o secretário-adjunto José Márcio Leite. Ricardo e Roseana tiveram uma reunião hoje pela manhã no Palácio dos Leões para tratar do assunto. A fonte ressalta, porém, que nada ainda é oficial.

 Pesou no recuo de Ricardo, no sentido de voltar à disputa por uma vaga no Parlamento Estadual, a legislação eleitoral. Caso levasse à frente a intenção, ele ficaria inelegível a qualquer cargo e só poderia ser candidato novamente em 2016, já que o mandato de Roseana, sua cunhada, caso reeleita, vai até 2014. A legislação proíbe a candidatura de parentes de chefes de Executivo.

 Como ele também é um dos puxadores de votos da coligação, os colegas ficaram preocupados. A previsão era que sem Ricardo o PMDB perderia pelo menos 30 mil votos, diminuindo a chance do partido eleger mais deputados. Ainda mais agora porque o DEM vem ameaçando não fazer parte da coligação governista.

 O ex-secretário de Saúde, conta a fonte do blog, passou a semana se divertindo com notícias em jornais e blogs “balaios” dando conta de um suposto desentendimento que ele estaria tendo com a governadora. “Não há hipótese de eu vir a brigar com Roseana”, tem dito ele.

Avanço da saúde no Maranhão gera crise no Piauí

dom, 16/05/10
por Décio Sá |
categoria Cidades

Do jornal O Dia, de Teresina (PI):

Teresina – Uma das principais referências de Teresina no setor econômico, o Polo de Saúde da capital está ameaçado pelo avanço da medicina nas cidades do Maranhão, estado de onde saem 40% dos pacientes que buscam atendimento na capital piauiense e contribuíram, ao longo dos últimos 20 anos, pelo já conhecido turismo de saúde de Teresina.

Materia de O Dia mostra que o ppolo de Teresina está ameaçado devido avanço no MA

O Dia mostra que polo de Teresina está ameaçado devido ao avanço no MA

Cidades como Imperatriz, Caxias e Timon estão investindo, nos últimos anos, na melhoria de unidades de saúde de média e alta complexidade, setor que atrai bastante pacientes para a capital do Piauí e tem sido o responsável pelo crescimento de clínicas e hospitais de Teresina. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Timon, as reformas em hospitais do município até o final do ano vão consolidar o atendimento de referência em mais de 40 cidades do Maranhão, alcançando uma população de 400 mil pessoas.

O presidente do Sindicato dos Hospitais e Clínicas Particulares de Teresina, Antônio Dib Tajra, explica que somente os pacientes de Teresina e do interior do Piauí não são suficientes para manter o Polo de Saúde em funcionamento. “A população da capital é de 800 mil pessoas, mas temos influência em mais de 5 milhões de habitantes e, sem esses pacientes, o sistema não se sustenta”, afirma o médico.

A vizinha cidade de Timon é que mais tem investido no setor de alta complexidade. Há 15 dias, a Prefeitura inaugurou a reforma e ampliação da Policlínica, com realização de procedimentos de tomografia, ultrassom 3D, eletroencefalograma, ecocardiograma e eletrocardiograma e densitometria óssea, que até bem pouco só eram realizados em Teresina. Foram investidos quase R$ 2 milhões, sendo R$ 300 mil em estrutura física e R$ 1,5 milhão em equipamentos.

O secretário de Saúde de Timon, Raimundo Neiva Neto, explica que a reforma da Policlínica vai evitar o deslocamento do timonense para Teresina ou outra cidade. “Queremos tirar o sofrimento do paciente que antes tinha que se deslocar para Teresina, São Luís ou Caxias para realizar estes tipos de exames”, afirma. Com os novos exames, o atendimento do hospital, que hoje é de 8 mil pacientes por mês, deverá triplicar.

A cidade também está investindo, junto com o Governo do Estado do Maranhão, na ampliação do Hospital do Parque Alvorada e do Alarico Pacheco. Este último terá um centro de oncologia e UTI Neo-Natal. Além de ampliação da rede pública, as clínicas particulares do Maranhão também estão investimento mais em equipamentos sofisticados.

Saúde em Teresina deve buscar a excelência, diz Sebrae

A saída encontrada pelos empresários do setor é elevar a qualidade no atendimento no setor de saúde de Teresina. “Hoje, a capital é uma referência nessa área, mas temos que alcançar o nível de excelência. Ou seja, oferecer o melhor serviço e atendimento da região”, comenta o médico e empresário Dib Tajra.

Para agilizar essa mudança, o Sebrae lançou ontem o projeto Polo de Saúde de Teresina – Clínicas Médicas, que visa a melhorar a gestão empresarial das clínicas da capital, por meio da capacitação dos profissionais e resolução de problemas específicos do setor. Leia aqui a matéria no próprio jornal O Dia.

Bomba: Ricardo desiste da reeleição e volta para Saúde

dom, 16/05/10
por Décio Sá |
categoria Política local

Em primeira mão à 0h51. O deputado Ricardo Murad (PMDB) desistiu da reeleição. Ele volta segunda-feira para a Secretaria de Saúde. Havia deixado o cargo no início de abril para tentar retornar à Assembleia Legislativa. O retorno do peemedebista à pasta deve ser anunciado pela governadora Roseana Sarney (PMDB) também na segunda-feira.

ricardo murad 160510

Ricardo Murad desistiu da reeleição

Procurado pelo blog, Ricardo disse que só falaria sobre o assunto após o anúncio oficial a ser feito por Roseana. No entanto, ele reuniu na noite deste sábado vários membros da secretaria em sua residência para dar a notícia e articular novas ações na Saúde. Não se sabe como ficará a situação do atual secretário Luiz Alfredo Guterres.

Ricardo vai informar nos próximos dias qual o nome que apoiará para tentar ocupar seu lugar no Poder Legislativo. O nome mais cotado é da ex-deputada Teresa Murad (PMDB), sua mulher. Não se sabe exatamente ainda o porquê da decisão dele de desistir da reeleição e da governadora em determinar seu retorno. O certo é que desde sua saída a classe política reclamava da falta de uma “referência” na administração quando da ausência de Roseana.

O deputado  era tido pelos próprios colegas de secretaria e do Parlamento como uma espécie de “coordenador informal” do governo. A governadora e o vice João Alberto (PMDB), que vinha exercendo essa função, vão estar muito envolvidos com a campanha à reeleição. Ricardo deve virar também um dos coordenadores da campanha.

Outro fato que o levou a abandonar o projeto de reeleição é a reestruturação que vinha fazendo no setor. Só a construção de hospitais, UPAs (Unidades de Pronto Atendimento) e unidades em parceria com prefeituras, o governo está fazendo quase cem. “Entre meu mandato e o povo, fico com o povo. Meu objetivo agora é trabalhar pelo Maranhão”, disse Ricardo na reunião, segundo um dos presentes contou ao blog.

Ele sempre classificou a ação como uma “revolução” que está sendo feita pelo governo no setor. Os primeiros hospitais devem ser entregues em junho. O deputado reclamava do pouco tempo que teve para concluir o projeto. Passou seis meses apenas reestruturando a pasta.

Ricardo volta a bater forte em Augusto Nunes

sáb, 03/04/10
por Décio Sá |
categoria Política local

Resposta a um canalha

Eu sabia que você iria perder a cabeça.

ricardo murad blogJornalista amilhado reage assim. Faz tudo por um punhado de “milho” e quando é pego com a boca na botija finge estar indignado, só que não passa de um canalha. E só um canalha como você pra pensar que vai me fazer calar com ameaças de virar alvo da revista Veja. Me ameaçar com a revista Veja não vai adiantar de nada.

O que me surpreende nesse episódio é constatar que a revista Veja é conivente com esse tipo de chantagem.

Essa intimidação é inaceitável, uma agressão violenta e repugnante que precisa ser combatida e condenada por todos aqueles que defendem o estado de direito.

Você escreveu e foi direto ao ponto, me ameaçando em virar alvo da Veja – “por acreditar que está condenado à impunidade, não admite virar assunto da revista VEJA e entrar na alça de mira da coluna”, para logo adiante concluir, “logo saberá que é só o começo”.

Também acho que é só o começo.

Nada ficará sem a devida resposta, a começar pelas mentiras publicadas por você na revista Veja dessa semana.

O Dr. Adail Nunes da Silva, que deve ser o seu digníssimo pai, deve estar horrorizado com o mascarado safado que o seu filho se transformou.

Ricardo Murad.

Augusto Nunes responde a Ricardo Murad

sáb, 03/04/10
por Décio Sá |
categoria Política local

O chilique do crápula

“Publique se for homem e jornalista”, começa o comentário enviado às 6:25 desta sexta-feira. Outro miliciano patrulhando a internet a serviço do stalinismo farofeiro, imaginei. Já ia ordenando que caísse fora quando bati os olhos no nome do remetente: Ricardo Murad, secretário da Saúde do Maranhão por ser cunhado da governadora Roseana Sarney. Ele mesmo, o campeão do descaso e da inépcia envolvido na matança de crianças desvalidas.

charge augusto nunes VejaEm paragens civilizadas, qualquer suspeito com a folha corrida de Ricardo Murad estaria agora em desabalada carreira, ou sentado no meio-fio chorando lágrimas de esguicho, ou homiziado em lugar incerto e não sabido.  Mas estamos no Brasil ─ pior ainda, o estafeta da famiglia Sarney está no Maranhão. É compreensível que esteja em liberdade, esbravejando em mau português.

A forma e o conteúdo avisam aos gritos que o texto foi redigido depois de um almoço de matar a sede de presidente. Não há nenhuma acusação substantiva, só berreiro de cortiço. Mas é claro que publico. Não para sublinhar reafirmações de masculinidade ─ Ricardo Murad sabe o suficiente para dispensar-se de qualquer dúvida a respeito do tema ─ e sim para oferecer ao Brasil que presta a contemplação do chilique de um crápula. Não perca:

Vermes como você, que escreve financiado pelo dinheiro sujo dos políticos a quem serve, deveria se envergonhar do que faz. Mas você é um desavergonhado. Faz isso por ofício. Você é um jornalista que aluga a pena. Escreve de mal ou de bem, para quem lhe paga, de mais ou de menos. Você é um covarde, venal, financiado e sem nenhuma credibilidade. O que lhe move é o dinheiro dos seus patrões. Se você tivesse um pouco de vergonha e senso jornalístico deveria ter me ouvido a respeito das sandices que publicou de forma criminosa a meu respeito. Pelos menos iria ter um trabalho a menos de tê-lo de fazer na Justiça. Não posso lhe pedir para ter ética e vergonha, isso vem do berço.

O doutor em infanticídio cobra vergonha de gente honrada. O noviço nascido e acanalhado no Convento das Mercês se fantasia de carmelita descalça. A cria de Madre Superiora reinventa a santa inquisição a favor dos cafajestes. O colecionador de capitulações lucrativas acusa o vencedor de covarde. O tenente da tropa de censores do Estadão exige respeito à ética. Sem formular qualquer denúncia objetiva, sem ir além do insulto barato, o prontuário ameaça recorrer à Justiça. É assim no Maranhão. Murad acha que é assim no país inteiro.

A certeza da impunidade o induz a acreditar que todas as ações judiciais movidas pela famiglia serão endossadas por algum daciovieira. Por ter escapado de licitações irregulares, crimes ambientais, delinquências variadas e, até agora, da morte das isabellas maranhenses, decidiu que não há juízes no Brasil. Por ouvir apenas as louvações dos áulicos, não ouviu o choro e os gemidos das vítimas indefesas.  Por acreditar que está condenado à impunidade, não admite virar assunto da revista VEJA e entrar na alça de mira da coluna.

O irmão menos esperto de Jorge Murad sobressaltou-se ao ouvir a indignação do Brasil decente. Logo saberá que é só o começo. O fim do sono chegará com a sirene que anuncia a chegada do camburão.

Ricardo Murad bate forte em blogueiro da Veja

sex, 02/04/10
por Décio Sá |
categoria Política local

O agora deputado novamente Ricardo Murad (PMDB) reagiu duro a um artigo do blogueiro Augusto Nunes, da Veja, sobre o problema da superlotação das UTIs em Imperatriz. Segundo o parlamentar, o jornalista deveria se envergonhar do que escreve. “Você é um covarde, venal, financiado e sem nenhuma credibilidade”, diz ele em mensagem encaminhada ao adversário e ainda não publicada em seu blog.

charge augusto nunes VejaAugusto Nunes (na charge do humorbabaca.com) resolveu criticar Ricardo sem nenhum conhecimento de causa e sequer o ouviu sobre os fatos. Fez ataques pessoais ao ex-secretário. Responsabilizou totalmente a Secretaria de Saúde pelo problema quando se sabe que a saúde de Imperatriz é municipalizada. O prefeito da cidade é o tucano Sebastião Madeira, um dos poucos amigos que José Serra tem no Maranhão.

Em suas postagens, o blogueiro se mostra favorável à candidatura do ex-governador de São Paulo à Presidência da República. É um dos integrantes de destaque do PIG (Partido da Imprensa Golpista), termo criado pelo jornalista Paulo Henrique Amorim, que estaria a serviço do PSDB.

Abaixo, a íntegra da resposta de Ricardo a Augusto Nunes:

“Publique se for homem e jornalista,

Vermes como você, que escreve financiado pelo dinheiro sujo dos políticos a quem serve, deveria se envergonhar do que faz. Mas você é um desavergonhado. Faz isso por ofício. Você é um jornalista que aluga a pena. Escreve de mal ou de bem, para quem lhe paga, de mais ou de menos.

Você é um covarde, venal, financiado e sem nenhuma credibilidade. O que lhe move é o dinheiro dos seus patrões. Se você tivesse um pouco de vergonha e senso jornalístico deveria ter me ouvido a respeito das sandices que publicou de forma criminosa a meu respeito. Pelos menos iria ter um trabalho a menos de tê-lo de fazer na Justiça.

Não posso lhe pedir para ter ética e vergonha, isso vem do berço.

Ricardo Murad.”



Formulário de Busca


2000-2014 globo.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade